RSS

TUDO SOBRE PILHAS E BATERIAS

Publicado em
Tipos de Baterias e Pilhas

Pilhas e baterias

Uma pilha ou bateria é um dispositivo que transforma energia química em energia eléctrica. A pilha tem três partes: os electrodos, o electrólito e o recipiente.

Os electrodos são os condutores de corrente da pilha.
O electrólito é a solução que age sobre os electrodos.
O recipiente guarda o electrólito e suporta os electrodos.

Existem dois tipos básicos de pilhas.

A pilha primária é uma pilha na qual a reacção química acaba por destruir um dos electrodos, normalmente o negativo. A pilha primária não pode ser recarregada.

A pilha secundária é uma pilha na qual as acções químicas alteram os electrodos e o electrólito. Os electrodos e o electrólito podem ser restaurados à sua condição original pela recarga da pilha.

Acção Electroquímica é o processo de conversão de energia química em energia eléctrica.
O ânodo é o electrodo positivo de uma pilha.
O cátodo é o electrodo negativo de uma pilha.

Capacidade de uma bateria

A capacidade de uma bateria define a sua a capacidade energética é expressa em ampère-hora (1 A·h = 3600 coulombs). Se uma bateria debita um ampère (1 A) de corrente (fluxo) por uma hora, tem uma capacidade de 1 A·h. Se puder fornecer 1 A por 10 horas, sua capacidade é 10 A·h.

Baterias Alcalinas

Bateria Pilhas Alcalinas

As pilhas alcalinas são as usadas normalmente em lanternas, rádios, etc…

Vantagens: custo baixo, são vulgares podem-se encontrar com facilidade em qualquer lugar, durabilidade e potencia elevada para seu tamanho/peso.

Desvantagens: a grande maioria dos modelos comercializados não pode ser recarregada e geralmente é necessária a utilização de suportes para utilização nos diversos dispositivos.

Baterias de Chumbo

 Bateria ácida de chumbo

As Baterias chumbo-ácido foram inventadas no Séc. XIX, tem como componentes básicos o chumbo ou óxido de chumbo e o ácido sulfúrico.

Vantagens: custo relativamente baixo, resistência a grandes variações de temperatura e grande durabilidade.

Desvantagens: pesada, demora bastante tempo a ser carregada, descarrega-se rapidamente, sofre uma diminuição (pequena, mas constante) de voltagem durante sua utilização e não pode ser recarregada totalmente com tanta frequência como os outros tipos. A sua melhor utilização é esporádica, uma vez que este tipo de bateria é desenhado para ser constantemente carregada e eventualmente descarregada (ex.: é o tipo utilizado em automóveis, sendo carregada com o motor em funcionamento e descarrega nos arrancas ou no funcionamento de dispositivos com o veiculo desligado).

Carregador Baterias Chumbo

Lítio

  Bateria Lítio - (Li+)

A pilha de Lítio popularizou-se com o aparecimento de micro circuitos electrónicos utilizados em relógios, jogos, etc…

Vantagens: destaca-se entre os demais tipos por descarregar-se muito lentamente quando armazenada carregada (em média 10% ao mês), e pelo tempo de recarga baixo. Entre todos os outros tipos, são as mais leves. Oferecem cerca do dobro da capacidade de uma bateria do tipo NiMH com o mesmo tamanho. O tempo de recarga também é o mais rápido quando comparado aos demais tipos.

Desvantagens: custo elevado.

Níquel-cádmio (NiCd)

Bateria Níquel-Cádmio

A bateria de níquel-cádmio (NiCd) foi inventada no Séc.XX.

Vantagens: potencial energético maior do que o da de chumbo-ácido, o que faz com que seja de 20 a 50% mais leve, proporcionando um tempo de utilização superior para o mesmo peso. Não sofre queda de voltagem durante a utilização.

Desvantagens: custo mais alto do que o da de chumbo-ácido, é muito tóxica para o meio ambiente (devido ao cádmio). Além disto, este tipo de bateria sofre mais com extremos de temperatura, descarregando-se muito rapidamente em temperaturas muito baixas e não se carregando totalmente em temperaturas muito elevadas.

Carregador NiCAD

Níquel Hidreto Metálico (NiMH)

Níquel-Hidreto Metálico (NiMH) - Bateria

A bateria de níquel-metal-hidreto (NiMH) possui algumas vantagens em relação aos outros tipos: resiste a um número maior de cargas/descargas na sua vida útil do que as de NiCad, possuindo um potencial energético ligeiramente superior (20% em média); ainda em comparação com as de NiCd, possui custo apenas ligeiramente superior, tempo de recarga inferior e maior resistência a variações de temperatura. Tem praticamente o mesmo peso que as de NiCd. Ambientalmente é mais amigável do que a de NiCD.

Desvantagem: custo superior ao das de níquel-cádmio.

Zinco Ar

Bateria Zinco Ar

As pilhas de zinco-ar são a mais recente tecnologia desenvolvida para o armazenamento de energia. Este tipo de bateria funciona extraindo o oxigénio existente no ar para reagir com o zinco e produzir electricidade. Seu princípio de funcionamento é semelhante ao das baterias alcalinas, que também possui zinco no seu interior reagindo com o oxigénio para produzir energia. Porém, nestas baterias o oxigénio é fornecido por um componente interno (dióxido de manganês), nas baterias do tipo zinco-ar , o oxigénio vem da atmosfera, a bateria tem várias aberturas.

Existem dois tipos de baterias zinco-ar: as que podem ser recarregadas e as descartáveis. Baterias deste tipo recarregáveis (onde células de zinco são substituídas) são utilizadas em aplicações como veículos eléctricos movidos a bateria. A grande vantagem deste tipo de bateria é sua durabilidade (tempo de descarga), muito maior do que a dos outros tipos até hoje existentes.

Baterias de Gel

Bateria Gel

As baterias de gel substituem as baterias de chumbo permitindo uma vida útil mais prolongada. Basicamente não têm evaporação electrolítica e suas consequências, como acontece com as baterias ácidas. Existem baterias de reduzidas dimensões especialmente concebidas para aplicações RFID.

Vantagens – Não têm evaporação electrolítica, maior resistência a temperatura elevadas, choque e vibração. 

Desvantagens – Preço mais elevado do que as baterias de chumbo. 

Carregador de bateria de gel ou ácida

Carga Baterias

Baterias e pilhas recarregáveis necessitam de carga, existem vários métodos para carregar uma bateria

Tensão Constante:

Também conhecido como carga em “flutuação”, este método aplica uma tensão constante nos pólos da bateria. A corrente de carga será determinada pelas características eléctricas e químicas da bateria em carga. Isso não é recomendável uma vez que se a bateria estiver com suas grelhas internas em curto circuito a corrente circulante pelo sistema será elevadíssima. Esse método tem um inconveniente que é o elevado tempo de carga, uma vez que quando mais energia a bateria absorve, menor é a corrente de carga aplicada.

Tensão Constante-Limite Corrente:

método semelhante ao anterior mas com a protecção de sobre-carga evitando assim problemas de correntes elevadas no sistema

Corrente Constante seguido de Tensão Constante:

A bateria é carregada com uma corrente constante até que atinja a sua tensão de flutuação (aprox:10% acima da tensão nominal ), ao que após, o carregador passa a actuar no modo de tensão constante, evitando assim sobrecarga e mesmo a auto-descarga.

Corrente Constante p/ Tempo Definido:

Este tipo de carga aplica uma corrente controlada constante pela bateria por um período determinado limitando o tempo de carga

Corrente Constante seguido de Tensão Corrigida:

A corrente é constante durante a carga até que a bateria atinja sua tensão de carga (20% acima da sua tensão nominal ) então, o carregador comuta para a tensão de flutuação mantendo a bateria neste estado indefinidamente.

Corrente Constante seguido de Tensão Corrigida e Queda de Corrente:

Idêntico ao anterior, a diferença é que quando atinge a tensão de carga, espera até que a corrente da bateria caia abaixo de 1% da sua capacidade nominal para que então comute para a tensão de flutuação, o que garante uma carga mais eficiente. É o método que melhor carrega a bateria, sem nenhum risco de dano.

Delta de Tensão Zero ou Negativo:

Aplica-se uma corrente constante pela bateria de forma a que sua tensão vá subindo (absorvendo energia) ate um ponto em que a subida de tensão termina. Neste ponto, em que a tensão parou de subir, termina-se a carga sob a condição de Delta V Zero. Em alguns tipos de bateria, após o ponto de delta de tensão zero, a tensão começa a cair produzindo uma variação de tensão para baixo, caracterizando o termino por Delta V Negativo.

Temperatura Máxima:

A corrente de carga é bastante elevada, limitada apenas pela temperatura da bateria.Necessita de refrigeração para que se mantenha a temperatura da bateria sempre constante no seu limite máximo

 
fonte:http://www.electronica-pt.com

About these ads

Sobre willemen

apenas sou UM RADIALISTA com vasta experiência e muita vontade de ensinar a aprender sempre. paz e longa vida

»

  1. Bom dia,gostaria d saber qual material é o mais adequado para ser o recipiente ,onde colocar pilhas e baterias usadas ,p/ depois levarmos ao detino adequado…

    Resposta
  2. bateria de chumbo ácido pode ser classificada como equipamento eletro=eletrônico? se sim onde eu teria uma definição técina fundamentada.
    Atenciosamnete
    Emilio Miranda BSB/DF

    Resposta
  3. Bom dia,gostaria de saber como se determina o tamanho de uma bateria,qualquer tipo.
    Obrigado.

    Resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  • Enter your email address to subscribe to this blog and receive notifications of new posts by email.

    Junte-se a 24 outros seguidores

  • GAROA DE TAGS

    A ALARMA amp antena antenna ANTENNE ANTENOSCÓPIO antonio AQE BALUN BAR bateria BEACON BIRUTA CAMPOS CB china CIRCUIT colinear DB DE DENGUE detector DETETOR dicas diney DO DOS DRM DX ELETRONIC eletronica ELETRÔNICAS ESCUTA ferro FONTE GOYTACAZES HAARP HAM ICQ ISOTRON loop METER MIC monteiro MOXON nireblog PARA PLC propagação PRÉ PU1PTC px RADIO RADIO AMADOR RADIOS RF roe rádio escuta SCRIBD sol SOLAR SOLDAR STORM sun swl TAK TARUGO TEMPESTADE TENNA THE tv UFO VFO VHF
  • PROCURADOS

    Mais fotos
  • twitter news

    Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

  • Postagens & Páginas mais populares

  • Seguir

    Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

    %d blogueiros gostam disto: